Madeira é sinónimo de caminhadas pelos trilhos que nos dão a possibilidade de conhecer a verdadeira essência da nossa ilha.

Descobrir a Floresta Laurissilva através destes percursos escavados nas encostas é, sem dúvida, sentir a natureza em estado puro.

As levadas surgiram no séc. XVI, com o propósito de levar a água da costa norte até à costa sul, enquanto as veredas, caminhos pedonais, permitiam a ligação entre essas povoações. Em São Vicente podemos encontrar uma riqueza enorme destes ditos percursos, dando-lhe a possibilidade de entrar numa magnífica aventura.

pedestrianismo

Vereda do Chão dos Louros

Caminho circular que permite percorrer a área envolvente do parque florestal do Chão dos Louros que se desenrola pelo interior da exuberante floresta Laurissilva, Património da Mundial Natural da UNESCO.

Distância Tempo Altitude máxima Altitude mínima Início Fim
1.9 km 1h 890 m 830 m Chão dos Louros Chão dos Louros

Galeria

Vereda do Urzal

Caminhada que liga a costa Sul e a costa Norte da Ilha da Madeira, na freguesia da Boaventura.

Ao longo do percurso a presença da vegetação é notória, sendo que poderá apreciar paisagens da floresta Laurissilva.

Distância Tempo Altitude máxima Altitude mínima Início Fim
10.6 km 4h30 1450 m 519 m Curral das Freiras Lombo do Urzal

Galeria



Download GPX

Caminho do Pináculo e Folhadal

Este percurso percorre as Levadas da Serra e a do Norte, atravessando uma excelente de Floresta Laurissilva e de vegetação natural.

Distância Tempo Altitude máxima Altitude mínima Início Fim
14 km 6h30 1620 m 1000 m Lombo do Mouro Encumeada

Galeria

Caminho do Norte

Percurso rico de belas paisagens e onde surgem vestígios de uma antiga vereda utilizada noutros tempos para trocas comerciais, romarias e outros propósitos. É possível conjugar com o PR 22 – Vereda do Chão dos Louros.

Distância Tempo Altitude máxima Altitude mínima Início Fim
14 km 6h30 1620 m 1000 m Lombo do Mouro Encumeada

Galeria

Levada da Fajã do Rodrigues

Vistas maravilhosas e panorâmicas são garantidas neste percurso em que encontra quedas de água e exemplares da flora e fauna típica desta região como as espécies vegetais arbóreas como o Til (Ocotea foetens), Folhado (Clethra arborea), Gerânio (Geranium Palmatum), e espécies da avifauna como Tentilhão (Fringilla Coelebs Maderensis).

Distância Tempo Altitude máxima Altitude mínima Início Fim
3.9km (3.9km de regresso) 3h30 580 m 580 m Ginjas Ginjas

Galeria